Como aprender a cantar


Share Button

como aprender a cantar Se tem uma coisa que acho complicado ensinar é cantar. Aprender a cantar é possível, é claro. Há técnicas de respiração, treino para cantar notas corretas e coisa e tal.

Mas diferentemente de aprender um instrumento, o timbre, a qualidade da voz já nasce com a gente. Você pode fazer a aula que quiser. Vai aprender a cantar corretamente, no tempo certo e tudo o mais. Mas tua voz sempre vai ser a mesma.

Aprender a cantar com afinação

Outra coisa que considero uma grande dificuldade é desafinação. A maioria das pessoas afina a voz no tom correto automaticamente. Ou pelo menos chega perto. Mas uma pessoa que canta completamente desafinada, dificilmente vai corrigir este problema. Na minha opinião, claro.

O que acontece aí, é que o problema não está na emissão das notas, no cantar em si. A pessoa ouve errado. É mais ou menos – creio eu – como pronunciar uma palavra estrangeira. A pessoa pronuncia o que ouve. O professor fala “like”, pronunciando algo como “láiq” (com o q mudo) e o aluno ouve algo como “láiqui”, colocando um “i” no final.

Da mesma maneira, se alguém ouve uma determinada tonalidade abaixo do que ela realmente é, vai cantar abaixo. Se ouve acima, vai cantar acima. Existem casos piores ainda, em que a escala musical simplesmente não é assimilada pelo cérebro da pessoa. Neste caso, ela canta em diversas tonalidades diferentes, subindo e descendo a altura das notas aleatoriamente. O resultado – como você deve imaginar – é desastroso.

Uma forma de corrigir problemas de afinação, é treinar escalas musicais com a voz (claro) com o acompanhamento de um instrumento (muito bem afinado…). Na maioria dos casos, um piano. A coisa consiste em “imitar” as notas emitidas pelo instrumento assim que são tocadas. E numa sequencia de escala, porque as melodias das músicas também estarão dentro das escalas.

Outra dica para quem é desafinado: ouvir música. Parece óbvio, e é mesmo. Só se aprende a escrever corretamente lendo. E se aprende a cantar ouvindo. Mas não é aquele “ouvir” desinteressado. É ouvir com atenção. E calado, sem cantar junto. Tentar identificar cada nota emitida pelo cantor. Depois sim, procurar “entrar” na tonalidade. Preste atenção na primeira nota emitida pelo cantor no começo da música. Aquela é a “chave” para f, icar na tonalidade correta. Escolha músicas simples. Nada de MPB, rock pesado, essas coisas. Melhor começar com um “parabéns a você”. Melodia simples e poucas notas.

Como aprender a cantar é uma frase bastante pequena para todos os quesitos envolvidos.

Aprenda a respirar corretamente

Você já viu algum cantor que após algum tempo cantando fica rouco? Isso ocorre devido à técnica errada ao cantar. Problema de respiração. Ao cantar, devemos buscar o ar, o fôlego, na barriga, no diafragma. É o que chamamos “respirar com a barriga, ou com o diafragma”. Parece estranho no começo, mas você pode fazer o teste agora mesmo. Procure respirar sem mexer o peito. Você vai reparar que sua barriga “cresce”. Pronto… é isso aí. Se o seu peito inflar, está errado. esta técnica deve ser treinada. Respirando corretamente, a emissão das notas musicais é mais clara e natural.

Ainda em respiração, há um pequeno truque. Respirar no lugar certo da música. Pode ter acontecido com você, ou você já viu algo assim. O cantor é obrigado a interromper uma palavra porque ficou sem fôlego. Feio… O truque é respirar sempre  após uma vogal. Isto em trechos longos, em que se necessita respirar em meio a uma frase musical. É claro que há períodos de pausa da voz em que é possivel respirar sem problema. Mas mesmo aí, há o tempo certo de ganhar fôlego para conseguir cantar a próxima frase.

Cantar no tempo certo

Além disso, há ainda a questão do tempo. A divisão da música. Algumas pessoas tem extrema facilidade em identificar e cantar no tempo certo. Outras não. Mais uma vez, o que se deve fazer é escutar música. Prestar atenção em como o cantor “entra” nas diversas partes da música. Como estica algumas notas e corta outras rapidamente. Preste atenção na marcação do tempo (baixo e bateria, se houver).

Enfim, aprender a cantar não é difícil. Mas também não é uma moleza. Se você não é daqueles que nasceram já cantando quase com perfeição (há gente assim, é claro), não se desespere. Passo a passo você chega lá.

Acabo de encontrar um canal do Youtube, de Marcio Vilegas, com aulas de técnica vocal. Confira: http://www.youtube.com/user/musicvil.

 

 

 

Não encontrou o que precisava? Sem problema. Entre em contato!

Preencha o formulário abaixo e pergunte o que quiser. É sério. Não seja tímido. Do lado de cá ninguém morde. E você não está se comprometendo com nada. Todas as consultas serão respondidas. Vá em frente e talvez eu possa conseguir exatamente o que você quer. Ah, sim... o preço da consulta? GRÁTIS!

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Quero informações sobre (clique para selecionar):

Sua mensagem

Antes de enviar, por favor preencha o campo abaixo.
captcha

Share Button

34 Comentarios

  1. Fábio Alves says:

    Cara, adorei o post. Estou começando hoje a treinar técnicas de canto (mais para melhorar a voz mesmo do que me tornar um cantor, rsrsrs) e seus toques deram alguma ajuda.

    Sucesso com teu site!

    • Bruno says:

      Olá Fabio. Obrigado pela visita e comentário. Espero que consiga melhorar a voz. E porque não? Cantar, sim senhor! Abraço.

  2. jaime says:

    ola!!! parabens pelo site está espetacular!!! eu adoro cantar e tocar guitarra, mas tenho um problema quando canto não tenho ritmo parece que estou a ler e não a cantar. pode-me ajudar?

    • Bruno says:

      Olá Jaime. Não entendi bem a pergunta. Você erra no tempo, creio eu. Isso é comum. Tente fazer as coisas separadamente. Cante junto com a gravação original da música. E quando estiver tocando, só toque. Não tente treinar as duas coisas ao mesmo tempo. Após treinar uma música muitas vezes desta maneira, aí sim, comece a treinar para fazer as duas coisas ao mesmo tempo. Um abraço.

  3. jaime says:

    ok!! vou fazer isso. obrigado pelo concelho

  4. jaime says:

    vou tentar explicar melhor! eu quando canto parece que estou a falar! pelo menos é o que as putras pessoas dizem. precebes-te?

    • Bruno says:

      Eu entendi, Jaime. Tive um aluno que cantava assim. Acredite ou não, o problema – em minha opinião – não está no ato de cantar em si. Está no ouvir. Você canta o que ouve. Nestes casos, deveria fazer um curso de canto específico, com técnica vocal, para aprender a emitir as notas corretamente. Um grande abraço.

  5. jaime says:

    *as outras pessoas dizem. precebeste?

  6. jaime says:

    mas não á nenhum exercicio que possa fazer para corriguir?

  7. Bruno says:

    Jaime, o certo é fazer com alguém que lhe possa corrigir quando estiver errado. Um exercício que pode ajudar seria o seguinte: tocar uma sequencia de notas num instrumento muito bem afinado (de preferencia um piano) e reproduzir estas notas com a voz. Se não houver ninguém para avaliar o que você está fazendo, faça uma gravação do exercício e tente analisar o resultado. Um abraço.

  8. Rafael Alves says:

    Olá hoje é a minha primeira visita ao blog, que aliás estou curtindo muito todas as dicas contidas nele, parabéns. Gosto muito de cantar também adorei esse post, só tenho uma dúvida que é quando você fala “diagragma”não seria “diafragma”, ao menos esse é o termo que sempre ouvi.Estou aprendendo a tocar violão e acredito que seu blog possa me ajudar muito.

    Grato pela atenção grande abraço!

    • Bruno says:

      Olá Rafael. Muito obrigado pela contribuição. é claro que não existe “diagragma” em nosso corpo. Foi simplesmente um erro de digitação, que vou corrigir agora mesmo. Valeu a dica! Abraço.

  9. paulo says:

    eu gostei muito desse post de hoje em diante vou começar a tecnica para aprender a cantar valeu fuiiiiiiiiiiii.

  10. jessy says:

    nossa obrigada sao otimas dicas ,estou querendo melhorar minha voz , ja que minha mae prefere nao falar nada(isso parece para mim que estou cantando mal pra caramba) , ja minhas amigas falam que esta legal(mas nao confio muito elas sao puxa saco), entao tenho que agradecer tomara que me ajude.

    • Bruno says:

      Olá Jessy. Bem… já que não escutei você cantando, não posso desempatar. Mas uma vantagem você já tem. Jessy é um ótimo nome artístico. Espero que realmente aprenda a cantar o suficiente para chegar lá. Um grande abraço.

  11. Mayara says:

    Parabéns! Adorei as dicas! =]

  12. Tito says:

    Eu consigo cantar afinado com acompanhamento mas sem acompanhamento eu desafino. e além disso não sei q nota q estou cantando. mas reproduzo cm extrema facilidade

    • Bruno says:

      Olá Tito. Há vários tipos de exercício vocal que você pode fazer. Procure um professor ou curso online de canto. O que você pode fazer de imediato é cantar junto com as gravações originais das músicas que gosta. Um grande abraço.

  13. Rick says:

    olá,espetacular o site,quero te fazer uma pergunta…eu muitas vezes uso mais a garganta para cantar,como por exemplo musicas pesadas como Suicide Silence…as vezes fico com medo de ficar com ”pouca voz” como posso me prevenir para que isso não aconteça?

    • Bruno says:

      Olá Rick. É preciso aprender técnicas vocais, para utilizar corretamente a voz. Toda vez que você pensa estar forçando a garganta… é porque está forçando mesmo. Muitas vezes, para obter um resultado parecido com o que é feito pelo artista, você utiliza recursos que não deveria e o resultado é uma rouquidão, algo assim. Procure um professor ou curso de técnica vocal. Um grande abraço.

  14. Rick says:

    Ok muito obrigado

  15. Meu! ESSE SITE É UMA MARAVILHA! continue assim, e eu quero ver se você não vai ganhar de muitos portais amigo! Parabéns pelo seu trabalho. Nem eu consegui fazer um site igual a esse!!! Abraços!

    • Bruno says:

      Olá Marcos. Obrigado pela parte que me toca. Mas não é tudo isso não. Já dei uma olhada no Mundomar. Tá ficando legal. Abraço.

  16. Vertinho says:

    E aí Bruno, muito bom o teu site, as dicas e tudo mais tá tudo muito bom, eu não sei se consigo cantar bem, se consigo cantar mal, mas em uma tarde comecei a cantar (someone like you – adele) e minha irmã se impressionou com a minha voz, ela me disse que minha voz é linda grave e roca e disse até que iria me ajudar a construir minha carreira artística(axé music), bom eu acredito que canto bem, consigo chegar com facilidade aos tons agudos e graves, mas preciso de mais técnica vocal, pra isso estou procurando me aprimorar cada dia mais no canto, ei bruno um grande abraço e sucesso. se surgir uma oportunidade de cantar profissionalmente é só me avisar,rsrsrsr abraço;

    • Bruno says:

      Olá Vertinho. Se você tem um bom timbre de voz e canta afinado, está com oitenta por cento resolvido. O resto, é aprender técnicas e treinar. Espero que consiga chegar lá. Um grande abraço.

  17. fabio says:

    isso me ajudou muito porque alguns hinos que eu ia cantar eu nao conseguia alcançar as notas mais nao porque eu nao aguentava e sim porque respirava de modo errado e de maneira inadequada obg….

  18. Gabrielle says:

    queria saber qual o valor do curso de voçês? responda-me se posivel hoje beijos obrigada

  19. Itanilde says:

    Ola,
    Obrigado pelas dicas!
    Parabens!
    Pra foi muito valido!

    Abraço!

  20. Luana says:

    Eu quero saber qual é o timbre da minha voz como fasso para descobrir.ADOREI MUITO ESSE SITE É INTERESANTE AS DICAS MINHA VOZ É GROSSA AS VEZES A MÚSICA FICA LEGAL MAS EU CANTO ALTO AI AS PESSOAS DIZEM QUE TOU FOSSANDO MAS Ñ ESTOU O QUE FASSO PARA PROVAR QUE Ñ FOSSO A VOZ EM.
    aDOREI VIU CONTINUE ASSIM COM ESSE SITE MANDA MUITO BEM BEIJOS .

    • Bruno says:

      Olá Luana. Não qualificação ou denominação para timbre de voz. Timbre é – para simplificar – a qualidade da sua voz. O que você deve estar procurando é a altura da sua voz, ou seja, em que faixa de tonalidade ela soa melhor. Creio que o que está acontecendo é ue você tenta cantar as músicas nas tonalidades originais e quando a tonalidade é muito alta e a sua voz não alcança as notas agudas, ocorre o problema. O que é preciso fazer aí, é baixar a tonalidade da música. Um abraço.