Como usar um capotraste


Share Button

 

capotraste

Capotraste é este negócio aí da foto. Existem diversos modelos e marcas diferentes.

Basicamente o capotraste, uma vez colocado no braço do violão, funciona como um (#) sustenido, ou seja, aumenta em meio tom – para cada casa do braço – a tonalidade das cordas. A tabela abaixo explica melhor.

 

Capo na

Cordas

sem capo Casa 1 Casa 2 Casa 3 Casa 4
Sexta E F F# G G#
Quinta A A# B C C#
Quarta D D# E F F#
Terceira G G# A A# B
Segunda B C C# D D#
Primeira E F F# G G#

E assim por diante. Tudo bem, mas isso serve pra quê?

Você pode usar o capotraste – por exemplo – para obter um som diferente, mais agudo, para uma determinada música. Ou para transportar a tonalidade de uma música, sem mexer nos acordes.

Transportando a tonalidade com o capotraste

Suponhamos que você esteja tocando uma música em D (ré maior). Os acordes são D, Bm, G, A7. Mas a tonalidade está um pouco baixa para a voz do cantor. Suponhamos que um tom acima seria suficiente. Você deveria então transportar a harmonia, ficando os acordes assim: E, C#m, A, B7.

Usando o capotraste, você não precisaria fazer isto. Basta colocar o capotraste na segunda casa e tocar a música como se fosse com os acordes originais, ou seja, nas mesmas posições.

O que acontece aí, é que fazendo o acorde D com o capotraste na segunda casa, ele já não é um D e sim, um E. A mesma coisa com os demais. O capotraste fez ali uma pestana para você.

Mas você também pode usar o capotraste caso a tonalidade esteja muito alta. Vamos pegar o mesmo caso acima. Supondo-se que a tonalidade tivesse que ser três semitons abaixo, você ficaria com os acordes: B, G#m, E, F#7. Mas você não quer tocar estes acordes todos com pestana. Transporte então a tonalidade para A. Acordes: A, F#m, D, E7. Coloque o capotraste na segunda casa e toque com a nova sequencia (A).

Parece meio complicado a princípio, mas funciona. As possibilidades são muitas. Imagine que você coloque o capotraste na quarta casa. Fazendo então uma sequencia G, C, D, na verdade estará tocando B, E, F#.

Com o capotraste na mesma casa (quarta), se você tocar D, G e A, estará tocando F#, B e C#. Trazendo o capotraste uma casa para trás, a mesma sequencia ficaria sendo F, A# e C.

                                                              veja também “entenda os acordes de violão”

Tocando em dupla

Outra grande pedida, é quando você está tocando com outra pessoa, dois violões. Um usa o violão normal e outro com o capotraste. A harmonia fica mais cheia, mais bonita. Uma música com os acordes G, C, Am e D, por exemplo. O primeiro violão, sem o capotraste tocas estes acordes (é claro). No segundo violão, coloca-se o capotraste na quinta casa e toca-se as posições D, G, Em e A.

Fiz uma curta gravação tocando estes acordes nas duas posições (normal e com capotraste). Ouça abaixo:

Here is the Music Player. You need to installl flash player to show this cool thing!

Veja as fotos abaixo. A primeira simplesmente mostra o capotraste junto ao braço, antes de ser colocado. A segunda, o capotraste já colocado na quinta casa.

 

Capotraste sendo colocado

 

 

 

 

 

 

 

capotraste colocado

 

 Compreendendo o capotraste

Enfim, as possibilidades são inúmeras. Basta comprender a mecânica da coisa. Com o capotraste no braço do violão, você está fazendo a posição de um acorde e obtendo outro som, tantos semitons acima daquele acordes, quantas forem as casas adiante em que você colocou o capotraste.

Para comprender melhor, faça qualquer acorde solto, como A, por exemplo e vá seguindo adiante no braço do violão.

Acorde normal, na segunda casa = A

Acorde na terceira casa = A# – o que é que fica faltando aí? A pestana, certo? Coloque o capotraste na primeira casa.

Acorde na quarta casa = B – fica faltando a pestana. Coloque o capotraste na segunda casa.

Acordes na quinta casa = C – fica faltando a pestana. Coloque o capotraste na terceira casa.

E assim por diante. Faça o exercício acima com outros acordes soltos, como G, E, D e C e você acabará descobrindo mais alternativas. Além de estar compreendendo melhor o braço do violão.

Na tabela abaixo, você pode escolher nas colunas (sentido vertical) que som quer obter com o capotraste na casa desejada. Exemplo: Capotraste na casa 4 e você quer os acordes E, B e A. Volte na mesma direção horizontalmente até a coluna azul e achará a posição que deve fazer. Neste caso, E = C, B = G e A = F

Portanto você vai armar as posições C, G e F, mas vai obter o som de E, B e A.

Tabela capo.png

Não encontrou o que precisava? Sem problema. Entre em contato!

Preencha o formulário abaixo e pergunte o que quiser. É sério. Não seja tímido. Do lado de cá ninguém morde. E você não está se comprometendo com nada. Todas as consultas serão respondidas. Vá em frente e talvez eu possa conseguir exatamente o que você quer. Ah, sim... o preço da consulta? GRÁTIS!

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Quero informações sobre (clique para selecionar):

Sua mensagem

Antes de enviar, por favor preencha o campo abaixo.
captcha

Share Button

71 Comentarios

  1. Leandro says:

    Excelente, claro e objetivo, somente lendo este texto já me sinti apto para começar a pratica. Obrigado pela informação de qualidade!

    • Bruno says:

      Valeu, Leandro. E somente lendo teu comentário fico gratificado. É muito bom saber que estou ajudando, nem que seja só um pouquinho.

  2. Marcelo Silva says:

    Olá gostaria de saber onde eu posso comprar um capotraste como o que vc usa nas imagens, obrigado…

  3. foi muito instrututivo de grande valia ok vl.

  4. Gostei da explicação gherra

  5. andre says:

    olá,muito bem explicado! excelente ! só tenho uma pegunta,qual o capotraste vcs recomendam,o de mola ou o de encaixe?

    • Bruno says:

      Ola, obrigado pela visita e pelo comentário. Creio que o de mola é mais prático, mais fácil de usar. E não tem problema algum, se for de boa qualidade.

  6. carlos says:

    muito bom acredito que vou tirar bastante proveito obrigado

    • Bruno says:

      Obrigado pelo comentário, Carlos. Volte sempre e um grande abraço.

  7. DAYANE says:

    Olá .Estou tentando aprender violão ,eu nem tinha idéia de como se usava o capotraste,mas agora sei.Obrigada pela dica,é bom ver que existem pessoas dispostas a compartilhar seus conhecimentos musicais.Um abraço!

    • Bruno says:

      Olá Dayane. Bom que você gostou e te serviu. Volte sempre e um grande abraço.

  8. Ewerton says:

    Olá. Achei bastante esclarecedor o texto. Só tenho uma dúvida: Vamos dizer que eu queira tocar os acordes D Bm G A, utilizando o capotraste na primeira casa. Eu precisarei descer uma casa pra realizar estes acordes, já que eu coloquei os capotraste na primeira casa?

    O que eu quero entender é se os acordes que eu vou fazer vão ficar o número de casas abaixo do número que eu posicionar o capotraste, por exemplo: Posicionei na quarta casa, então executo as notas quatro casas abaixo do que eles deveriam ser.

    • Bruno says:

      Quando você coloca o capotraste, a casa seguinte à que você o colocou, substitui a primeira casa. Se você colocar o capo na primeira casa, vai fazer o D a partir da terceira casa e não mais da segunda. E assim por diante. E todos os acordes, com o capo na primeira casa vão ficar meio tom acima. D = D#. O Bm, por exemplo, com o capo na primeira casa, vai ter sua pestana na terceira casa e não mais na segunda.

  9. Ewerton says:

    Pow cara, valeu mesmo. Excelente.

    Irei comprar um amanhã mesmo pra fazer os testes.

    Obrigado pela ajuda.

    Grande abraço.

  10. Higor says:

    Olá amigo, tenho uma duvida, preciso tocar uma musica que usa os seguintes acordes: G# Bbm F# C#9
    em qual casa eu uso o capotraste?

    • Bruno says:

      Olá, Higor. Colocando o capotraste na primeira casa, você vai tocar: G, Am, F, C9.

  11. alexandre says:

    eu só quero ver se entendi uma coisa, quando eu coloco o capotraste em uma casa, a casa seguinte é como se fosse a primeira??

    • Bruno says:

      Exatamente. O capotraste fica sendo a pestana. É como se você “cortasse” o braço do violão. Por exemplo: Capotraste na casa 1. Você faz a posição D (rémaior), com o dedo 1 na corda 3, casa 3. Dedo 2 na corda 1, casa 3. E dedo 3 na corda 2, casa quatro. Apesar de ter feito a posição D, como está tudo uma casa adiante é um D#.

      Grande abraço

  12. Higor says:

    Bruno ,tenho outra duvida, para aumentar e 2 tons eu coloco o capotraste na quarta ou quinta casa?

    • Bruno says:

      Olá, Higor. É só contar meio tom por casa. Por exemplo: Acorde A, aumentando em dois tons é C#. Contando a partir da primeira casa, você deve ir quatro casas adiante (4 semitons = 2 tons). Você faz o A na casa 6, mas fica o som de C#. Ou seja, partindo das cordas soltas, 2 tons = quatro casas. Capo na casa 4.

  13. Higor says:

    Valeuuu bruno, suas dicas são feras cara!!
    estou aprendendo bastante.

  14. John Peterson says:

    Mto boas dicas cara…bem explicado…mto bom aprendi a usar o Capo…

    Algumas musicas ficam melhor de toca com capo..eh vdd sim…

    Valew…abração..

    • Bruno says:

      Olá John. Legal que você gostou. Fique ligado que de onde veio este aí tem mais…

      Abraço

  15. tereza says:

    ah esse negócio de capotraste é p/ quem já tem um bom conhecimendo de musicas e acordes.
    pq eu ñ saberia dizer q acorde eu estaria fazendo se eu botasse o capo na 1ª casa fazendo o acorde A.
    tem q ter um bom conhecimento de música p/ poder usar isso né ?
    ou ñ, eu posso começar a utilizar mesmo assim ?

    • Bruno says:

      Ola Tereza. Partindo do que voce mesma falou, capotraste na primeira casa, fazendo acorde A, seria A#. Basta você imaginar que o capotraste vai “cortar” o braço do violão. Se o capo está na casa 1 sua nova casa 1 é a casa dois. Portanto, todo acorde que você fizer, como se não tivesse o capo, estará meio tom acima. Não se esqueça de fazer os acordes uma casa para diante também. Por exemplo: capo na casa 1, acorde A é feito na casa 3 e não mais na casa 2. É claro que você pode utilizar, basta compreender como funciona. Um abraço.

  16. Bell says:

    nossa!!.. excelente explicação!…tinha duvidas ao usar o capo…por isso nunca me atrevi a comprar um…
    agora entendi!!
    vou comprar um amanhã!
    obrigada!

    PS: adorei o blog!

    • Bruno says:

      Olá Bell. Legal, compre mesmo e você verá que há várias possibilidades de uso do capotraste. Grande abraço.

  17. gabi says:

    valeu,
    precisava msm das dicas mais tipo se eu quiser gazer uma variacao entre o fá e o sol eu num posso fazer, certo?
    é pq eu tenho 11 anos de idade e eu num consigo fazer a pestana

    • Bruno says:

      Olá Gabi. Você já é uma vencedora. Com 11 anos e já tão interessada. Parabéns. A pestana realmente é um pouco difícil, principalmente na sua idade. Faça um F (fá maior) simplificado: Dedo 1 na corda 2 casa 1. Dedo 2 na corda 3 casa 2. E dedo 3 na corda 4 casa três. Toque só da corda 4 para baixo. Na verdade este seria um acorde F7+. Mas quebra o galho, falou? Espero que você continue estudando e se torne uma grande violonista. Um abraço.

  18. Valeu cara, eu ja encomendei o meu e pretendo usar tanto no violão e na guitarra, e graças a Deus encontrei seu ótimo post explicando tudo que eu estava querendo saber.
    Eu já conhecia o capo porque vi vários acordes de musica indicando pra usar o capo na casa tal e tal… Muito obrigado!

    • Bruno says:

      Ola Marcio. Beleza, que bom que ajudou. Em pouco tempo você descobre mais meios de usar o capotraste. Abraço.

  19. Day says:

    Olá Bruno eu entendi pouco rsrs pq estou iniciando agora, mas eu tenho um sério problema sou péssima para fazer pestana rsrsrs então me indicaram e até me deram um capotraste mas naum sei como usa-lo no lugar da pestana vc poderia me ajudar? obrigada

    bjo!

    • Bruno says:

      Olá Day. Na verdade o capotraste não substitui a pestana. O que ele faz está explicado no artigo. O que acontece é que não é dito que usando o capotraste você não tenha que fazer pestana. Dependendo dos acordes da música, pode haver pestana. Sugiro que você vá treinando diariamente tocar músicas que tenham só um acorde com pestana. Devagar você acostuma. E também procurar em sites de acordes os acordes que substituem acordes com pestana. Um abraço.

  20. Prezado Bruno, gostaria de saber em que casa coloco o capotraste para tocar em dupla com alguém que não está usando a ferramenta, ou seja, eu gostaria de não ter que mudar os acordes originais, naturalmente.

    Isso é possível?

    • Bruno says:

      Olá Rafael. Não mudar os acordes originais é possível. Mas não as posições. Por exemplo: Acordes originais: C, F e G. Quem não está usando capotraste vai fazer as posições – é claro – C, F e G. Quem está usando capotraste, pode colocá-lo na casa 3 e então fazer as posições: A, D e E. Que na verdade soarão C, F e G. Para saber mais sobre capotraste, “cate” minha apostila sobre isso. Basta clicar na barra lateral e virar fã no Facebook. A apostila é grátis. Um abraço.

  21. Valdir says:

    vllew….por me ajudar!!!

    • Bruno says:

      Olá Valdir. E eu nem sabia que estava ajudando… brincadeira. Esteja à vontade. Tem mais por aí. Um abraço.

  22. Leo says:

    Eai bro toh com uma duvida aqui e fico mto grato se puder me ajudar…gostaria de saber como fica essas notas com o capo na quinta casa…Gm Bb5(9) F C5(9) F/A…desde ja mto obrigado

    • Bruno says:

      Olá Leo. Acredito que esta sequencia com o capo na casa 5 fica meio esquisita. O Gm fica fácil, seria como um Dm. Todos os demais acordes ficariam meio capengas. Bb5(9), por exemplo, teria que ser feito somente nas três cordas de cima (corda 6, casa 6 / corda 5 casa 8 e corda 4 casa oito). Como as três cordas de baixo não pertencem ao acorde, vá imaginando aí o som que você iria tirar. Entre neste site e vai conseguir vizualizar facilmente variações de acordes = http://www.chordbook.com/guitarchords.php . Um grande abraço.

  23. Leo says:

    Valew pela ajuda ai mano,oq vc me diria se eu usar o capo na segunda casa…so queria msm era mudar essas notas… Se puder me dah um help aii…como ficaria essa sequencia com o capo na segunda casa? valew mano, brigadao

  24. j.junior says:

    meu irmão,vc exemplificou maravilhosamente parbêns…ainda bem q existe pessoas assim,q eu venha estar no mesmo nível…

    • Bruno says:

      Valeu Junior. Você chega sim. É só se dedicar e ter paciencia. Abraço.

  25. Marcos says:

    Olá .

    Ainda tenho dificuldade para entender um pouco

    Gostaria de tocar os seguintes acordes: F#,B,Ebm,C#,Bbm mas como eu acho eles dificeis gostaria de tocar com o capotraste pois já tive experiencias com acordes dificeis que com o capotraste fica mais facil.

    Obrigado

    • Bruno says:

      Olá Marcos. Nem sempre o capotraste resolve o problema da pestana. Neste caso, com o capo na casa quatro você vai tocar as posições: D, G, e A – que substituem F#, B e C# respectivamente. Mas ainda sobram duas pestanas: Ebm e Bbm. Um abraço.

  26. Andre Allan says:

    Valew pela dica cara…. Muito bem explicado e bem exemplificado. Gostei da gravação. Aprende-se muito assim deste modo!! Eu já tocava com capô, mas essas dicas fez me fluir mais nessa mecânica do violão/guitarra.

    Abraço
    e
    Sucesso!!!

  27. Gabriel says:

    ola bruno.gostei muito das dicas,me ajudou muito.brigadao!
    Deus te abençoe
    sucesso pra vc!abraços
    vlw!!!

  28. Davi Nunes says:

    Gostei muito da explicação parabens. Mas tenho uma pergunta eu posso usa em qualquer musica o capotraste?

    • Bruno says:

      Olá Davi. Em teoria, pode. O que acontece é que por vezes você não consegue, dependendo da música, o resultado desejado. Nem sempre é possível eliminar pestanas, por exemplo. E nem sempre é possível conseguir a sonoridade adequada à música. Ou o transporte de tonalidade com as posições desejadas. As possibilidades são muitas, é preciso explorar. Um grande abraço.

  29. QUE COISA MAIS FEIA ESSA NOVA ONDA DE SE USAR O CAPOTRASTE.OS MUSICOS DE HOJE NÃO SABEM FAZER O TRANSPORTE DE TONALIDADE ENTÃO APELAM PARA O CAPO. E A DESCULPA DE FALAR QUE O SOM FICA AGUDO TAMBÉM NÃO CONVENCE. AÍ BRUNO OUVI A SUA GRAVAÇÃO NO FINAL DA MATÉRIA, FICOU UMA PORCARIA OUVIR VOÇE TOCAR.OS MUSICOS DE HOJE SÓ SABEM FAZER BATIDA NO VIOLÃO,E QUEM TEM TALENTO MESMO DEDILHA E FAZ SOLOS INCRIVEIS COM MUITA VELOCIDADE. VAI UM CONSELHO: ARRANJA UM BOM PROFESSOR E VAI APRENDER TOCAR VIOLÃO PORQUE TEORIA MUSICAL TODO MUNDO SABE.

    • Bruno says:

      Olá Carlos. Ao ler um comentário destes eu fico pensando… o que será que fizeram com você para causar tanta revolta? E mais: uma revolta que te faz escrever tanta asnice? Vamos fazer o seguinte: eu procuro um bom professor se você me prometer que procura um bom psiquiatra. E depois que sarar, abra seu próprio blog para escrever suas sandices. Ah, sim… creio que você sabe que escrever tudo em maiúsculas é a mesma coisa que gritar. Ou seja, você não é só doido. É um louco furioso. Um abraço.

  30. Olá bruno,sei que voçe ainda é iniciante em um instrumento musical e ainda vai saber o que é tocar um violão de verdade. olha eu estou te dizendo isto porque eu ouvi o audio que voçe gravou, voce não tem tecnica,e ainda não sabe como usar a sua mão direita na hora de tentar fazer um ritmo. tenta fazer o transporte de tonalidade sem usar o capo e voce crescerá tecnicamente,o capo só desvaloriza um músico.Em 2009 nos ESTADOS UNIDOS aconteceu um grande festival de música onde aos músicos era proibido usar o capo,porque quem é bom faz na raça ou seja tem que ter talento.

    • Bruno says:

      Ok… você leu um artigo e já deduziu tudo isso. Então vou fazer a mesma coisa. Quem escreve você com cedilha não sabe escrever? Está vendo como é? Não sei de onde você tirou a idéia de que eu não sei tocar sem capo. Você lê um artigo e já conhece tudo sobre a minha vida. Abra um site de cartomancia que vai ganhar muito dinheiro.

  31. priscila zanich says:

    O capotraste substitui a pestana?

    • Bruno says:

      Olá Priscila. Em alguns casos apenas. Nem sempre é possível eliminar pestanas. Um abraço.

  32. Bruna says:

    Muito boa sua simples explicaçao…facil e eficaz! Parabens!

    • Bruno says:

      Olá Bruna (bonito nome…). Legal que você gostou. Um grande abraço.

  33. Pablo says:

    vi um video aula q o cara colocava o capo na terceira casa e fazia um acorde como se fosse ré, e o outro fazia o acorde de fá sem capo, não entendi. gostaria de saber o pq

    • Bruno says:

      Olá Pablo. É muito simples. Se você fizer um D (ré mesmo, na segunda casa) e avançar uma casa (casa três) é um D#, certo? Se avançar mais uma casa, terá um E. Mais uma… e aí está o seu F. O capo então serve para avançar o baixo, que estará então na casa 3, quarta corda. Ou seja avançamos todas as notas do acorde ré em três casas, obtendo um F. Abraço.

  34. Efraim Batista says:

    PERFEITO ESSE TEXTO ,DEMOREI MAIS ACHEI ALGO QUE REALMENTE DEU PRA SACAR SOBRE O CAPOTRASTE …E JÁ COMPREI O MEU …..

    GRATO PROFESSOR.

  35. Luisa Pinheiro says:

    Olá, Bruno..
    Estou muito satisfeita com suas explicações, dei uma visualizada rápida no seu site e vi que aqui posso tirar muitas dúvidas que tenho.
    Comprei recentemente um capotraste e achei aqui como usá-lo. Aprendi a tocar violão sozinha, com uma certa ajuda do meu irmão para entender o processo todo, mas em 3 dias de aula dele já fui me virando sozinha e, a partir daí, busco na internet opções pra me ajudar.
    Enfim, meus parabéns pela iniciativa, sua ajuda é muito útil.

  36. Marcos says:

    Pô Bruno, eu não tinha a menor noção do uso do capotraste, mas suas dicas foram otimas e entendi! Parabéns pelo documento!

  37. Gleice says:

    Muito obrigada Bruno pela sabia e clara explicação. Estou tentando aprender algumas músicas (autodidata)… rs, e uma que eu amo está melhor para aprender com capotraste. Sua explicação foi super valiosa, valeu mesmo.